Minhas Redes Sociais

Pra quem é novo, e ainda não me conhece. Segue aqui ó:

Facebook – fb.com/RDFranzOficial

Twitter – twitter.com/rodriggolottus

Não, não tenho youtube sou muito feio, e ia assustar o pessoal. E outra, gosta mais de escrever do que falar, porque quando escrevo, penso, edito e altero, quando eu falo, falo quase que sem pensar. Não é bom pra imagem de um autor, já mediano, aparecer e acabar com a dúvida de vocês.

Ai no lado, tem meu livro, pela AZ7 Editora, dá uma olhadinha no preview, volta aqui e me conta, combinado?

Beijo do seu autor preferido. 🙂

Mais de 5 milhões gastos! Cadê a Transparência?

Mais de 5 Milhões gastos com Marketing na Saúde com dinheiro do Governo Federal durante a pandemia de Covid-19 pelo Governador Eduardo Leite. Mais de R$ 5.000.000,00 (Cinco Milhões) colocados em 5 agências de Marketing.

Pelo Portal Transparência podemos perceber que o Governador do Estado do RS gastou com Marketing mais de cinco milhões em publicidade só na área de saúde.

Vamos analisar este gasto?

Como pode, precisando de UTIs e outros insumos hospitalares, um governante acabar gastando com propaganda? Este é um dos absurdos desta pandemia. Com este dinheiro era possível manter os hospitais de campanha funcionando por 6 meses ou mais, se for um gestor que sabe administrar.

Chega de sermos usados como peças do marketing destes políticos desonestos. Precisamos é mostrar que, até pode ser legal o gasto deste montante de dinheiro, mas será que é moral?

Do ponto de vista do Marketing, isso é o grande motivo do crescimento do Governador como um dos presidenciáveis, com uma equipe destas, valorosa em milhões de reais, o que era de se esperar a grande exposição.

Print do Portal Transparência do RS

Ivermectina: 75% de Eficácia na Redução de Mortes

Ivermectina tem 75% de eficácia na redução de mortes por Covid-19. Por que escondem isso de você?

O estudo publicado na Research Square aponta que após o uso do medicamento, houve redução de 75% nas mortes pelo novo coronavírus, mas escondem isso te você porque o remédio é barato e não há lucro na venda.

Seis ensaios clínicos randomizados relataram que pelo menos dois pacientes infectados morreram pós-randomização e foram incluídos na análise. Ao longo desses seis ensaios em 1.255 pacientes com covid-19, houve:

– 14/658 (2,1%) mortes por quem fez uso da Ivermectina.

– 57/597 (9,5%) mortes por que não fez uso da Ivermectina (controle).

Em uma análise combinada usando ponderação de variância inversa Ivermectina mostrou uma melhora de 75% na sobrevida;

Detalhes do Estudo

A grande imprensa e os grandes jornais não mostram isso para você, pois eles usam os famosos “especialistas” que sequer tem estudos publicados fora do País, e são pesquisadores que tiveram seus rendimentos reduzidos no MEC. Como represália, discordam sem embasamento algum de estudos sérios como este.

Exemplo do Prof. Luiz Carlos Dias

Este professor do Instituto de Química da Unicamp é ligado ao PT e a Esquerda.
Antibolsonaro declarado.

Este tipo de professor jamais dará aulas para meus filhos. Jamais! Pois criticou um estudo que pode salvar vidas por puro politicagem. Sabe quantos artigos o coitado tem publicado? Apenas 3. E, não fui pesquisar, mas aposto que são: TCCs.

Acredite, políticos não querem você bem, eles precisam de você na lama, na dependência total do Estado para, com migalhas, manter você sob controle. Assim como a mídia, em represália ao Presidente, diz que especialistas não recomendam o uso. Lógico, a grande mídia em queda, com investimentos públicos reduzidos, vai sim, manipular notícias.

Eficácia das vacinas é menor que a do medicamento Ivermectina, e muito mais recomendada. Porque?

Vacinas custam R$ 120,00 e a Ivermetica R$ 15,00. O dinheiro é o motivador deste crime.

OUTROS 7 ESTUDOS ACADÊMICOS COMPROVANDO A EFICÁCIA DA IVERMECTINA NO COMBATE AO COVID-19

http://www.escs.edu.br/revistaccs/index.php/comunicacaoemcienciasdasaude/article/view/693

https://www.jaad.org/article/S0190-9622(20)30557-0/fulltext

https://www.medrxiv.org/content/10.1101/2021.01.05.21249310v1.full-text

https://osf.io/wx3zn/?fbclid=IwAR1D8zI_SzOtaFAOG840QYFfdtvjcNxtd38-ej-hG_uj_RBIbkKYwCHnUbQ

https://assets.researchsquare.com/files/rs-100956/v3/53276668-6e01-4aca-ba91-62b0ba80afad.pdf

https://openheart.bmj.com/content/7/2/e001350.abstract

https://www.nature.com/articles/s41598-021-86679-0

Arévalo, AP, Pagotto, R., Pórfido, JL 
et al. A ivermectina reduz a infecção por coronavírus in vivo em um modelo experimental de camundongo. 
Sci Rep 11, 7132 (2021). 
https://doi.org/10.1038/s41598-021-86679-0

Embora a gente apresente vários, e vários artigos acadêmicos aqui, ainda assim, se você assiste a Globo e outros jornais como UOL, CNN e ESTADÃO… lamento, eles estão mentindo para você. E mentem por um motivo: DINHEIRO!

Existe uma construção da realidade observável, em que a grande mídia vem fazendo a anos. Governos que não pagam por publicidade nas suas emissoras e jornais são achincalhados diuturnamente. Suas vidas pessoais expostas, e constrangidos por notícias, facilmente manipuladas.

321.000 mil mortes por Covid-19

240.000 mil mortes teriam sido evitadas!

QUEM É O VERDADEIRO GENOCIDA?

Fraudes nos números de casos de Covid-19

O que vou relatar aqui é a história de um estudante e trabalhador que no sistema da Prefeitura de Rio Grande, foi considerado Caso Positivo de Covid-19. E ao receber o laudo do seu teste, estava como NEGATIVO.

Duas opções surgem:

Os casos estão sendo informados de forma errada para que lucrem de alguma forma com isso.

Ou permite-se pessoas contaminadas circulem a espalhar o vírus.

Tem alguma coisa que não bate!

Eduardo Leite, já azedou?

O Governador Eduardo Leite recebeu do Governo Federal 1,95 bilhão de reais para combate ao covid-19. Vamos entender a linha de eventos do Governador.

26/MAIO/2020

Governo Federal envia recurso do FUNDO NACIONAL DE SAÚDE para Governador instalar hospitais de campanha no RS.

22/JULHO/2020

Fechamento dos Hospitais de Campanha no RS, por falta de USO.

20/SETEMBRO/2020

Eleições Municipais começam e as restrições são relaxadas.

20/DEZEMBRO/2020

Festas de Final de Ano não são motivos para fechamento de empresas e comércios. Tudo normal.

Após JANEIRO 2021

Lockdowns por todo o Estado. Eduardo Leite, com intenção de ser candidato a Presidente, começa a trabalhar no Fechamento do RS.

FEVEREIRO 2021

LOCKDOWN! Decretado no RS. Fechamento do Comércio. Governador pressiona Presidente.

Custo de combustíveis e gás de cozinha sobem, Presidente corta impostos federais. E governador aumente tributos estaduais sobre combustíveis.

MARÇO 2021

Em clara campanha presidenciável, Governador Eduardo Leite ataca Presidente Jair Bolsonaro. Decreta mais LOCKDOWN e coloca o RS em Bandeira Preta. Leitos de UTI Covid-19 atingem 100% de sua capacidade, e os hospitais de Campanha estão desmontados.

A pergunta que não quer calar, onde estão estes recursos Governador?

Entrevista com o Escritor

Eu abri para perguntas sobre minha vida no Instagram (@rodriggolottus) e no Twitter (@rodriggofranz) e meus poucos seguidores, porém os melhores, me ajudaram a construir minha própria entrevista. Este pequeno texto servirá para você me conhecer melhor.

As perguntas sobre meu trabalho

Quando você descobriu que era escritor? – Marcelo

Acho que não descobri, sempre fui, desde os cinco anos de idade já redigia pequenos textos para teatro, pequenas esquetes que eu e minha irmã brincávamos de atores famosos.

Quantas horas por dia você escreve? – Ana Paula

Geralmente, quando não estou com bloqueio, escrevo em torno de 4 à 5 horas, mas isso depende. Eu tento escrever sem pensar muito, então dependendo muito do dia. Já teve dias que escrevi por mais de 8 horas, a base de café e biscoito.

Já ganhou dinheiro escrevendo? Digo muito dinheiro. – Ana Paula

É uma piada né? Lógico que não. O mercado editorial é extremamente disputado, e geralmente escritores novos ou desconhecidos não tem espaço algum nas editoras famosas.

Seus trabalhos já foram recusados? – Aline

Ihh! Muitos já foram recusados. O meu livro mais vendido já foi recusado, e olha que é best-seller, mais de 5 mil copias, que tive que fazer de forma independente. Por exemplo, editoras vendem Paulo Coelho, porque ele vende bem, não porque é um bom escritor.

Qual seu livro favorito? – Stefany

Tenho alguns, dos que eu escrevi Cartas para ela, de outros autores, acho que tenho alguns como Dom Quixote de La Mancha, de Miguel de Cervantes, e 1984 de George Owrell.

Qual seu autor favorito? – Luana Priscila

Certamente Miguel de Cervantes nos clássicos, e Mark Manson – A sutil Arte de Ligar o Foda-se – dos autores atuais.

As perguntas pessoais

A música que você mais você mais gosta? – Ascencion

Uma música de Wilson Paim, Desassossegos. Escute e você vai entender por que ela é incrível.

O filme que te faz refletir? – Juju

Acho que atualmente é O Poço de  David DesolaPedro Rivero e dirigido por Galder Gaztelu-Urrutia. Me fez pensar muito, refleti por horas este filme. Antes, Efeito Borboleta.

Você tem um momento em sua vida, que você pode dizer que foi um divisor de águas? – Sou Fitness

Há algumas reviravoltas, acho que ter um filho foi um destes momentos. Mas aquele grande momento ainda não aconteceu. Aquele momento que a gente espera acontecer, que nos dá frio na barriga, ele ainda não chegou. Mas sou otimista, vai chegar, e tenho comigo que não vai demorar.

O que pensa sobre o feminismo? – GiraGirassol

São umas idiotas.

Como faz para ser um administrador de pessoas com diversas personalidades? – Ale Gloss

Ainda estou aprendendo. Mas tenho uma receita de bolo. Não confie nas desculpas, aceite sugestões e seja firme nas suas decisões. Se ninguém gostar, ligue o foda-se, e seja feliz. Afinal, ninguém te sustenta.

Qual seu nível de escolaridade? – daWeb

Vai no Lattes por favor… Currículo

Onde foram alocados os recursos, prefeito?

No dia 27 de março a Câmara de Vereadores de Piratini destinou 100 mil reais para o Executivo Municipal, como informa o site Piratini News

A população piratiniense quer que você preste contas sobre os recursos que a Câmara enviou. O que foi comprado, por quanto foi comprado e onde está sendo aplicado? São perguntas simples. Se foi usado em cestas básicas para ajudar as pessoas carentes, apresente os resultados, porque muita gente que realmente precisa não recebeu, e se recebeu foi migalhas.

Em grupos do Facebook vejo tantas pessoas pedindo ajuda, será que estes recursos não conseguem alcança-las?

Vale lembrar aqui, que algumas pessoas receberam 2kg arroz, 1 de açucar, 1 litro de óleo, sal e outras poucas coisas. Será que isso custou mais de R$ 30,00? Se custou, tá superfaturado. Se não custou por que quase ninguém recebeu?

E as pessoas do interior? Receberam? Fica evidente que o prefeito Vitão ainda não usou os recursos ou usou para outros fins que não ficou claro. Explique-se!

Deixo claro minha indignação com a atual gestão, lhes falta compreensão, olhar quem precisa e trabalhar para ajudar estas pessoas. Tirar foto lavando uma calçada? Ahh faça me o favor, isso não pode ter consumido todos os recursos. Água, Sabão e desinfetante não são caros meu caro.

Preste atenção prefeito, eu exijo que dê satisfação de onde foi alocado este recurso. Custos e tudo mais. Transparência.

Foto/Reprodução: Maico Borges/Piratini News

Prefeitos reabrem comércio em Piratini e Canguçu.

Quero começar este texto, questionando vossas senhorias, com o único intuito, como chegaram a conclusão de que não é mais necessário o isolamento geral? Até anteontem pregavam empiricamente que o isolamento era o único método eficaz no combate a pandemia. O que mudou? Não precisa responder, esta dissertação responderá.

Apenas com o embasamento político e elitista de que, isolamento salva vidas, já que os mesmos que o defendiam podiam manter-se em casa, levaram a sua própria comunidade ao caos social e econômico. Gerou desemprego, baixa arrecadação de ISS – imposto sobre serviços – e ao pânico descontrolado fazendo a comunidade se aglomerar nos poucos lugares abertos atrás de comida, materiais de higiene e dinheiro.

Foram medidos, foram analisados e foram desconsiderados todos os estudos que não corroboravam com a narrativa de pânico. Cadê os 44 mil mortos do estudo da Imperial College, mesmo em quarentena? Cadê o modelo matemático, que ao invés de provar que 2 + 2 = 4 apresentou 5 como resultado?

Veja que esta narrativa de pânico serviu apenas como política. Apenas e para, tão somente, desestabilizar o Governo Federal a titulo de “salvar vidas”. Foram irresponsáveis, os prefeitos de Canguçu, Vinicius e o prefeito de Piratini, Vitão. Ambos deviam pagar e arcar com o custeio dos desempregados que surgiram neste mês de quarentena. Dois prefeitos, dois irresponsáveis, orientados por um governador que tinha como meta, num estado quebrado, forçar o Governo Federal pagar suas contas. Assim é fácil governar.

Cheguei a informar o Vinícius que não havia nenhum estudo que corroborasse a tese de quarentena em cidades que se quer tinha transmissão comunitária. E aplicar tal isolamento foi ineficaz e estupidamente prematuro. O Vinícius considerei um bom prefeito, já o conheço, mas está tão mal assessorado que pesa aos meus sentidos se houve ao menos um debate entre eles sobre fechar ou não o comércio. Precipitou-se neste norma, colocou a saúde financeira do município em perigo e agora é remendas as duas coisas, como falei, poderia só enfrentar um problema, agora enfrentará dois. O prefeito cometeu o erro de Napoleão Bonaparte, tinha só um inimigo, a Inglaterra, na Batalhe de Waterloo, ele, provocou a Prússia, indo de encontro a ela, dando tempo para o exército inglês ir em apoio, abriu-se então duas frentes de batalha, ao leste com a Inglaterra, e o Norte com a Prússia, sendo derrotado em 1815, e indo parar no isolamento na ilha de Santa Helena.

O mesmo erro cometeu nossos prefeitos, tinha um inimigo, criaram um segundo inimigo sem necessidade, e agora pedem socorro, socorro que sabiam que viria para suas contas, seus salários e suas compras emergenciais. Mas uma cidade não é baseada em um único homem. Não se formam cidades com políticos, se formam cidades com todas as pessoas, e estas pagarão o pato, de um erro, propositalmente elaborado, para que a sociedade ficasse de joelhos. Culpados? Não sei, mas que foram coniventes com o Governador, isto foram.

O colapso econômico em Canguçu e Piratini

Medidas de isolamento social não tiveram efeitos em nenhum país. Vamos analisar dois casos distintos, a Espanha e a Itália. Ambos tomaram medidas distintas, na Itália o isolamento demorou para ser instituído, já na Espanha o isolamento aconteceu logo após os primeiros casos confirmados. No entanto em nenhum dos dois foi possível conter o avanço da doença. Por que medidas distintas não tiveram efeitos distintos? Isolamento social é a melhor medida? O que a Coreia do Sul fez diferente para ter baixo nível de letalidade nos infectados por Covid-19?

Se a gente se espelhar nas atuações dos outros, nos erros dos outros e desta forma evitar cometê-los, podemos salvar pessoas e nossa economia. Um provérbio Chinês diz: “inteligentes aprendem com seus próprios erros, mas os sábios aprendem com os erros dos outros”. Algo similar disse Otto von Bismarck: “Os tolos dizem que aprendem com seus próprios erros, mas eu prefiro aprender com os erros dos outros.” Otto, este grande estadista alemão, foi conhecido pela alcunha de Chanceler de Ferro.

A Espanha decretou quarentena no dia 14 de março no País inteiro, após os primeiros casos confirmados. Não surtiu efeito, o vírus já estava circulando, os casos assintomáticos chegam a 86%, porém estes casos são vetores da doença. Já a Itália relutou, e somente após os primeiros óbitos é que declarou lockdown, tendo o mesmo destino de outros países, como os EUA que já em fevereiro bloqueou aeroportos e navios proibindo a entrada de estrangeiros no país. E também não teve resultado.

Ora, o isolamento social é uma indicação da WHO (OMS) – Organização Mundial da Saúde – por que os cientistas não puderam prever que o isolamento não teria efeito real? Que de fato vimos não ser a melhor estratégia, além de quebrar a micro-economia de um país, gerou desemprego em massa, abusos de autoridade e aumento do pânico na população. Estavam errados. O porquê deles errarem? Simples, o vírus já circula na comunidade bem antes dos primeiros casos se confirmarem, ao menos 10 dias.

Os tolos dizem: “precisamos ficar em casa para diminuir a curva”. Não funcionou em nenhum país, por que funcionaria aqui? Os sábios testariam a população, isolariam os contaminados e a curva, mesmo alta, garantirá o menor número de baixas. Como sei disso? Ora, vi isso acontecer na Coréia do Sul.

Curva de Infectados por Covid-19 na Coreia do Sul – taxa de letalidade é de 1,7%

Lá na Coreia do Sul o isolamento também foi feito, mas foi feito de forma inteligente, os que testam positivo e seus familiares foram para isolamento obrigatório. Nenhum serviço, igreja foi fechada.

Do ponto de vista do pensamento científico, só existe um jeito de acabar com o vírus: imunização da população. O resto é remediar para, inutilmente, ter a falsa sensação controle. Não há controle. Só se controla com imunidade natural ou através de vacinas. O resto é história para boi dormir.

O número de mortes será grande, a quarentena se prolongará por meses, e com isso uma quebra geral, demissões, pessoas com baixo poder aquisitivo, que são maioria, deixam de comprar, se endividarão, e o comercio local, diminuirá ainda mais sua capacidade de contratação. É um efeito dominó que não poderá ser parado. Levaremos, ao menos, dois anos para nos reerguer.

Mesmo que colocássemos todos numa bolha, ninguém sai, não poderíamos permanecer para sempre nela. No que sairmos desta bolha, o surto volta, já que o vírus da Covid-19 está circulando no país.

Sem falar nas filhas nas lotéricas e bancos, nos supermercados e nas farmácias. Nos parentes visitando parentes, nas necessidades hospitalares, nas aglomerações que são naturais do ser humano. O isolamento social não é eficaz.

Um país que segue um corpo científico que está nas últimas posições em estudos sobre a educação, só pode cometer os erros, para assim, depois, se conseguir, aprender. Não observando o que os outros erraram, e ali, tentar corrigir.

Canguçu e Piratini serão engolidos pelas falhas do prefeito Vinicius e do prefeito Vitor.

O fechamento do comércio endividará e quebrará empresas. Irá gerar o mais alto índice de desemprego, mergulhará as duas cidades no colapso econômico, e os prefeitos, ambos, devem ser penalizados nas urnas. Não porque eu quero, mas porque estão cometendo um suicídio eleitoral, a população que trabalha todos os dias para se alimentar não pode ficar parada, se isto ocorre, passam dificuldades e estas dificuldades terão reflexo nas urnas.

Muitos irão morrer de Covid-19 nas duas cidades. Muitos estarão desempregados, muitas lojas fecharão as portas, muitos dos que perderam o emprego cometerão suicídio. Fechar infectados e não infectados em casa, só disseminará o vírus, a curva alta de contágio se dá dentro de casa, não na rua. Se dá em lugares fechados e não abertos.

Dos laboratórios chineses para o mundo…

Uma pandemia de gripe conhecida como Covid-19 causada por um vírus da família coronavírus, tem levado a óbito pessoas com problemas de saúde e idosos.

Na minha humilde opinião, este vírus foi disseminado de forma criminosa pelo Governo Chinês para emplacar a narrativa de moeda única, governo global e garantir a agenda da ONU.

O fechamento do comércio instituído por alguns prefeitos e governadores não é efetivo, veja que isso quebrará a economia, e isso será terrível daqui a alguns meses para os pequenos empreendedores e trabalhadores informais. Além disso, ao fechar o comercio, ninguém entrou em quarentena, entraram em férias. É parente visitando parente, velhos nas ruas, no RS tomando chimarrão, passeando na casa de todo mundo, aproveitando que tá todo mundo em casa.

Mas o pior disso tudo é não ter a imunização da população, não há remédio e nem vacinas. O único jeito de imunizar é ser contaminado. Ora, se uma cidade inteira se contaminar, estará imunizada. Mas vai morrer pessoas, o sistema de saúde vai entrar em colapso. Tudo isso vai acontecer, com ou sem isolamento social.

A diferença é que, com o isolamento, a crise vai se prolongar por quase 2 anos, com milhões de mortos. O que não aconteceria, se nós, hoje, tomássemos a ideia de criar leitos com respiradores, para suportar o alto volume de pessoas que irão aos hospitais buscar tratamento. Isso é o que salvará vidas.

O que fazer para realmente salvar vidas?

1 – Estruturar hospitais;
2 – Isolar o grupo de risco em hotéis de cada cidade, por 30 dias.
3 – Liberar comércio e eventos para que o vírus alcance a maioria das pessoas;
4 – Garantir atendimento a todos nos postos de saúde;
5 – Testar toda a população é mais eficaz, pois ai isolamos o vírus.

Com uma cidade imunizada, tratada com antibióticos para conter a pneumonia, podemos garantir a imunização da população. E acabar com o surto em 30 dias. Sem pânico, sem histeria e sem quebrar a já fragilizada economia brasileira.

Por que a taxa de letalidade na Alemanha é baixa? 0,4%.

Hospitais, sistema de saúde preparado. Não é isolamento, não fechamento de fronteira, nada disso. Por exemplo, os EUA fechou suas fronteiras para que o vírus não chegasse, não aceitava voos e colocava todo mundo que chegasse em quarentena de 14 dias, conseguiu segurar o avanço? Não!

Mas a Alemanha conseguiu. Conseguiu porque tem 3 leitos de UTI para 100 mil habitantes. Vai morrer gente? Vai, mas morrem todos os dias de gripe centenas de pessoas no mundo. Mas criam o terrorismo na vida das pessoas, quebram economias e claro, matam mais pessoas.

A China Comunista já sabia da velocidade de contagio do vírus, tanto é que em janeiro ela já havia isolado uma cidade inteira, Wuham, e mesmo assim o vírus chegou no mundo. O isolamento funcionou? As pessoas todas foram contaminadas, gente que nem apresentou sintomas. E o mesmo está acontecendo pelo mundo, gente que não tem sintomas está infectando outras pessoas. O vírus está disseminando via ar.

Devemos é punir a China por não tomar providências quando podia. Mas nenhum país do mundo fala isso, pois é o melhor parceiro comercial. Chineses dominarão o mundo.

Coronavírus e o fim da economia local

Se você parar pra pensar, as medidas adotadas por todas as prefeituras do sul do Estado, podem, além de não surtirem efeitos, quebrar empresas, gerando um nível de desemprego e desestabilizar o comércio local.

Na minha cidade Piratini, desde sábado todos os comércios já estavam fechados, o pânico e o medo de contrair a covid-19 assustou a toda população.

Piratini no Sábado

A mídia tradicional, principalmente a Globo, gera pânico na população, mostrando com extremo sensacionalismo número de mortes e infectados. Apenas esquece de mostrar 3 pontos:

1 – baixa letalidade;

2 – numero de pacientes curados;

3 – que medidas de fechamento de comércio não contém a propagação do coronavírus.

Isto posto, quero ressaltar este último ponto, o nível de infectados é muito maior do que os casos computados pelo Governo Federal, isso porque 80% das pessoas que são portadoras do covid-19 não apresentam nenhum tipo de sintoma, e 18% dos infectados tem uma leve gripe. 2% chegam a se hospitalizado, e só 0,4% morrem. E todos que, acabam por vir a óbito, tem outros tipos de doenças, e na sua maioria morrem por falta de leitos, respiradores e falta de estrutura.

Ora, a letalidade é tão baixa que o exagero do fechamento do comércio só vai acabar destruindo a já fragilizada economia do município, não tendo efeito sob a transmissão e propagação do virus.

Não, isso não significa que sou contra o isolamento social, mas contra o fechamento das empresas, do comércio local, acabando de vez com os pequenos empreendedores e autônomos que realmente dependem de seu comércio.