A Terra Plana é um delírio…

Em pleno século XXI, ainda temos pessoas que duvidam que a Terra é um GLOBO. Basicamente, a luz se propaga em linha reta, logo, um laser a 8.000 metros de altura, se apontado para o Everest, poderia ser refletido lá, supondo que a terra é plana. E nem me falem em custos, pois certamente é mais barato que usar um foguete subir e tirar uma foto da terra plana. A Teoria da Terra Plana não tem sustentação científica, não há 1 cientista sério no mundo que possa prová-la? Por que?

Ora, se temos conhecimento da menor distância entre Santiago à Sidnei, e ela é imutável, podemos calcular todas as outras distâncias. Certo? Afinal, tempo é a medição entre dois pontos distintos, percorridas por um objeto (no caso um avião). Isto posto, poderíamos usar está afirmação, para criar uma projeção plana. Já que a distância entre Sidney e Santiago é conhecida, e reconhecida por Terra-planistas e Globalistas.

Poderíamos auferir as distâncias de 3 pontos distintos, triangular esta medição e calcular todas as distâncias na terra plana e na terra globo. E ambas seriam igualmente idênticas, correto? ERRADO!

A Terra Plana apresentaria distancias maiores do a da Terra Globo, logo um voo de um ponto ao outro teria o mesmo tempo, mas as distâncias não seriam idênticas. Então temos um erro, ou na terra plana ou terra globo.
Fazemos a prova então de qual estaria certa. Conhecendo a velocidade e o tempo, teremos a distância exata, e qual das duas estaria correta.

Porque para uma pessoa que acredita na Terra Plana, teria que evidentemente acabar com toda a física moderna, inclusive espaço, tempo, velocidade, coisas estas que podem ser provadas e testadas, e fazem parte do nosso dia a dia, não aceitando por exemplo que medições estejam corretas, por exemplo a distância entre uma cidade ou outra, em velocidade constante. Concordam?

Pra provar a Teoria da Terra Plana, basta calcular a velocidade. Vm = S/t.

Suposição:

Um gato corre 300m atrás de um rato, em 10 segundos, logo ele tem uma velocidade de 30 metros por segundo.
Supondo que o avião percorreu 300 km em 3 horas, com isso descobrimos a velocidade entre o ponto A e o ponto B. Então o mesmo avião percorreu mais 250 km em 2,5h entre o ponto B e o ponto C. Depois percorreu mais 500 km em 5h entre o ponto C e o ponto A.

Usando este modelo, podemos projetar distancias entre Sidney, Santiago e Alaska, 3 pontos na terra. Agora, me responda como desenhar um mapa, usando esta projeção velocidade e tempo ou distância e tempo, ou distancia e velocidade? Eu consigo calcular usando estas formulas e testar na pratica numa Terra Globo, porém não consigo usar e testar numa Terra Plana. Por que? Se a distância é a mesma e o tempo é o mesmo, a velocidade não bate na terra plana. Se a velocidade é a mesma e o tempo é o mesmo, a distância não bate na terra plana.


Conclusão, pra que a Terra Plana possa existir, os continentes tem que mudar de lugar a cada cálculo. Só colocar isso num papel, tente desenhar as distâncias e encaixe Velocidade, Tempo e Espaço.

Logo, se eles equipararem o tempo desta triangulação Sidnei, Santiago e Alasca, ele terá que afastar a Austrália da China no modelo Terra Plana.

Veja, que se escalarmos 10 cm para 10 mil km, a Terra Plana começa a perder sustentação.

Se o voo leva o mesmo tempo em ambos os modelos, e a distância é a mesma em ambos os modelos, logo a distância é imutável de Santiago para Sidnei, e a velocidade média também precisam ser as mesmas. Vamos modelar isso?

Santiago para Los Angeles é 7h e 33 minutos
Santiago para Sidnei é 19h e 12 minutos
Sidnei para Los Angeles é 15h e 29 minutos

Temos então uma triangulação e agora podemos montar nosso mapa de Terra Plana, com a localização de cada País. E provar que a Terra é Plana. Ou não!

Vm = Velocidade média;
t = tempo gasto;
S = espaço percorrido.
Abraço Científicos…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *